Solidariedade, empatia na pandemia e sempre, faz bem

0
948

Todos por um mundo com pessoas melhores

Diante da polêmica do auxílio de R$600, 00, venho através deste texto e fotos compartilhar a boa ação que fizemos em conjunto. Eu, Renata Soldatelli, professora de rede pública de ensino, vendo a dificuldade que muitas famílias estão enfrentando por falta de alimentos, a diretora da escola Monteiro Lobato, Mariza Rodrigues, angustiada por ver a necessidade de algumas famílias, e minha amiga Silvana Bogo, que recebeu o auxílio, e junto com ele muitas críticas da sociedade.

Após uma conversa Silvana comentou que no momento que se cadastrou para o auxílio falou para seus familiares, que se caso o recebesse compraria todo o valor em cestas básicas para famílias que necessitassem ou não tivessem informação ou acesso para se cadastrar. As escolas públicas receberam algumas cestas básicas para as famílias dos alunos, mas como muitos pais ainda com dificuldades procuraram a diretora, pensamos em ajudar desta forma. A partir desta conversa comentei com ela, sobre a situação das famílias e indignada com as críticas nada construtivas que recebeu, sem saberem da real intenção que tinha, resolveu comprar os alimentos, e também ajudar os pequenos empreendedores de nossa cidade,

Os alimentos foram comprados no Mercado Modelo; do proprietário Jeferson Kiló, no Bairro Industrial. Sendo assim, foram ajudadas 6 famílias que estavam necessitadas, e Silvana sentiu-se com a consciência tranquila, pois não omitiu nenhuma informação quando se cadastrou, recebeu o auxílio sim, mas foi investido de uma forma solidária e generosa. Se todos que o receberam e não o necessitavam realmente, tivessem tido esta atitude nossa cidade, país, mundo seria bem mais justo e menos hipócrita, porque criticar é fácil, agora fazer e mostrar é bem mais difícil.

Texto: Renata Soldatelli

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here