Setembro Verde: prevenção ao câncer de intestino

0
96

Setembro é o mês da conscientização sobre a doação de órgãos e prevenção de câncer de intestino

Está doença é altamente prevalente no Brasil e no mundo e possui alta taxas de cura quando diagnosticada em fases iniciais.

O INCA (Instituto Nacional do câncer) estima que em 2020 surjam cerca de 34 mil novos casos de câncer de intestino no Brasil, com proporção maior na região sul, onde a doença é a segunda causa mais frequente de câncer em homens e a terceira em mulheres. Isso se deve a elevada prevalência de obesidade, sedentarismo, tabagismo, ingestão de álcool e carnes processadas nessa região.

A doença se desenvolve na maioria das vezes como um Polipo, que é uma lesão benigna que surge na parede do intestino e que pode crescer e malignizar se não retirada a tempo.

Frequentemente o câncer de intestino não dá sintomas em fases iniciais. Quando presentes incluem dor abdominal, sangramento nas fezes, alteração do hábito intestinal e perda de peso.

A prevenção é feita através de colonoscopia, bastante onerosa e pouco disponível para grande parte dos brasileiros nos dias atuais. Neste exame são identificadas lesões precursoras de câncer, feito biópsias e retirada de pólipos. A periodicidade de sua realização varia de acordo com cada caso, sendo a cada 5 anos quando o resultado for normal.

Se você tem mais de 45 anos, casos de câncer de intestino na família ou algum sintoma suspeito procure um médico para avaliar a realização da colonoscopia.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here