São Marcos registra caso importado de Dengue

0
898
Equipes da Vigilância Ambiental reforçam fiscalização e alertam para o crescente número de focos na cidade. Fotos: divulgação

Paciente de 51 anos contraiu a doença em março, fora do RS, retornado ao município já curado. Vigilância reforça o alerta e informa que subiu para 34 o número de focos do mosquito transmissor

Conforme dados atualizados pela Vigilância Ambiental o número de focos mais que dobrou em dois meses, saindo de 14 focos no início de abril para 34 focos no fim de maio. “O risco está cada vez maior, apesar da entrada do inverno, o mosquito continua se proliferando, e com a incidência de um caso mesmo que importado, sinaliza alerta pois o vírus está mais próximo do que pensamos’, enfatizou Daiane Alves, coordenadora do programa de combate ao Aedes em São Marcos.

A Vigilância informa o caso de paciente de 51 anos, atendido no hospital municipal do município de Canarana, no Mato Grosso, registrado em 15 de março e confirmado para dengue. “O paciente fez todo tratamento lá e retornou ao município há uns 20 dias já curado”, disse Daiane nesta quarta-feira, dia 29, em entrevista ao São Marcos Online.

Quarteirões adjacentes à residência desse caso importado já foi inspecionado e eliminado criadouros assim como realizado tratamento com larvicida.

Mapa mostra localização dos 34 foscos já registrados pelas equipes de vigilância em São Marcos

Daiane destaca ainda o avanço no número de casos na região metropolitana de Porto Alegre, assim como em todo RS, que já soma 775 registrados de dengue.

O número de focos vem aumentando no município e somente na última semana equipes da vigilância encontram mais de 10 novos focos, na grande maioria em tonéis de reservatório de água da chuva, conforme registros.

Na foto, pode se ver exemplo prático, barato e seguro para se reservar água da chuva sem representar perigo à saúde pública.


LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here