Gastrite: mitos e verdades

0
710

Gastrite é um termo bem conhecido pela população e que aparece frequentemente como queixa nos consultórios médicos

O paciente nos relata que tem gastrite, muitas vezes tendo recebido esse diagnóstico em consultas clínicas, querendo designar na verdade o que chamamos de sintomas dispépticos como dor e queimação no estômago, estufamento, náuseas e sensação de má digestão.

O termo gastrite significa inflamação na mucosa gástrica, sendo diagnosticado através de endoscopia digestiva alta com biópsia, não sendo portanto correto rotularmos os sintomas sem que esses exames sejam realizados. 

Existem diversas causas de gastrite sendo as principais a infecção por vírus, bactérias e fungos, a ingestão de agentes químicos como anti inflamatórios e álcool e a colonização do estômago pela bactéria Helicobacter pylori.

Existe uma correlação pobre entre a presença de gastrite nos exames e a ocorrência de sintomas. Isso significa que os sintomas podem não ser relacionados a gastrite e que o paciente pode ter gastrite e não apresentar qualquer sintoma. 

Um grande mito na medicina é a “Gastrite nervosa”. Estados emocionais como estresse e ansiedade não causam gastrite nem úlcera, mas podem provocar ou piorar sintomas digestivos. Sempre é necessária uma avaliação médica para determinar a natureza dos sintomas e o melhor tratamento para cada caso. 

O tratamento varia de acordo com cada paciente, levando-se em conta suas queixas, idade, estado de saúde, entre outros.

Sempre importante frisar: informações obtidas com conhecidos ou na internet não excluem a necessidade de uma avaliação médica minuciosa e individualizada. O tratamento prescrito para o seu familiar pode não ser o correto para você e ainda pode colocar sua saúde em risco. Fique atento!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here