Em São Marcos cerca de 90% de todo o grupo prioritário foi imunizado contra a Influenza

0
372
Doses se esgotaram logo na primeira semana da campanha. Foto: prefeitura de São Marcos

Campanha de vacinação segue até 5 de junho

Este ano a campanha foi dividida em três etapas com a primeira fase iniciada em 23 de março e destinada à idosos e trabalhadores da saúde, em São Marcos a primeira etapa imunizou 600 profissionais da área da saúde, o que representa 123,20% do grupo e 3.179 idosos, ou seja 118,66% deste grupo.

A segunda fase foi destinada à membros das forças de segurança e salvamento (42 vacinados), pessoas com doenças crônicas ou condições clínicas especiais (1495 vacinados), caminhoneiros (169 vacinados), profissionais de transporte coletivo (motoristas e cobradores) e portuário +, pessoas de 55 a 59 anos de idade (40 doses aplicadas).

Na terceira fase, iniciada em 11 de maio, foram imunizadas 8 pessoas com deficiência; 618 de um total de 1249 crianças de 6 meses a menores de 6 anos; 109 gestantes e mães no pós-parto até 45 dias e 133 professores das escolas públicas e privadas.

Segundo o governo, a exemplo das demais fases, a meta é vacinar pelo menos 90% de cada um dos grupos até dia 5 de junho, data em que a Campanha Nacional de Vacinação se encerra. Em São Marcos foram imunizados até o dia 22 de maio, 5047 pessoas de todos os grupos prioritários, o número representa 89,28% do público alvo.

A secretaria municipal de saúde orienta os pais de crianças de 6 meses a menores de 6 anos, as gestantes de qualquer idade gestacional, portadores de doenças crônicas e pessoas de 55 a 59 anos que ainda não foram vacinadas para que busquem a vacina nos postos de saúde do município o mais breve possível visto que são os grupos que estão com a menor cobertura vacinal. É importante levar o cartão vacinal e usar máscara para acessar os postos.

Motoristas e cobradores, caminhoneiros e portuários devem buscar a vacinação, independente do seu estado ou município de residência, em qualquer serviço público de vacinação, fixo ou móvel, pois transitam em todo o país, informou o ministério.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here