Investigação segue e polícia acredita que a jovem possa estar morta. Tática e Bombeiros passaram o dia em novas buscas, ainda sem êxito

Um individuo de 27 anos de idade (sexo não divulgado) foi preso preventivamente na manhã desta segunda-feira (29) por suposto envolvimento no caso do desaparecimento da jovem Kauana Santos; 16 anos, sumida desde a última sexta-feira (26), após um incêndio na casa em que a menina vivia com a avó, vitima de homicídio no mesmo dia.

O delegado Edinei Albarello afirma que há indícios de que esta pessoa pode ter algum envolvimento na sequencia de crimes, não se tratando porém, do executor. A prisão é preventiva, por 30 dias para averiguações e investigação do possível envolvimento no caso.

Corpo de Bombeiros e Força Tática passaram o dia em buscas.

Desde a manhã, a equipe do Corpo de Bombeiros de São Marcos e a equipe da Força Tática do 36º BPM, liderados pelo Major Juliano Amaral vasculharam novamente todo o perímetro da chácara onde o crime ocorreu. Até por volta das 18h cães do Corpo de Bombeiros de Bento Gonçalves atuava, nas buscas. A equipe da Polícia Civil também esteve no local durante a tarde juntamente com agentes do IGP.

Conforme o Delegado, fica claro que Kauana estava machucada, devido a presença de sangue no moletom e dos rastros encontrados. A polícia trabalha para que a adolescente seja encontrada, mas infelizmente já atua com a hipótese de que ela possa estar morta.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here