Gasolina terá o quinto aumento de 2021; nova alta será de 4,8%

0
243
Imagem: divulgada na internet

Petrobras anunciou também o quarto reajuste do diesel no ano; elevações ocorrem após crise da estatal no mercado e podem anular reflexos de corte de impostos

A Petrobras anunciou nesta segunda-feira (1º) que vai aumentar mais uma vez o preço da gasolina e do diesel. O reajuste será válido a partir desta terça.

A gasolina terá reajuste de R$ 0,12 no preço médio do combustível na venda das refinarias para as distribuidoras, que passará a ser de R$ 2,60 – alta de 4,8%. Já o diesel terá aumento de R$ 0,13 no valor do litro, chegando à média de R$ 2,71, um acréscimo de 5%.

Esse é o quinto reajuste no preço da gasolina e o quarto no valor do diesel feitos pela Petrobras em 2021. Em dezembro, antes dessas elevações, a gasolina custava em média R$ 1,84 nas refinarias e o diesel, R$ 2,02.

A alta acumulada da gasolina desde o início deste ano chega agora a 41,3%. Já o diesel teve aumento total de 34,16% na soma das quatro variações de preço anunciadas pela estatal.

Nesta segunda-feira entra em vigor a suspensão de impostos federais por dois meses sobre o preço do óleo diesel. A medida já era uma estratégia do governo federal para tentar amenizar o impacto dos constantes reajustes. A nova alta, no entanto, pode anular o reflexo do corte de tributos no preço final do principal combustível usado no setor de transportes.

Os constantes aumentos dos combustíveis já resultam em preços acima de R$ 5 pelo litro da gasolina nos postos.

A nota da Petrobras também cita um reajuste no gás de cozinha: será uma alta de R$ 0,13 por quilo, chegando ao novo valor final de R$ 3,05 por quilo (ou de R$ 39,69 pelo botijão de 13 quilos).

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here