Após morte de bugios por febre amarela, vigilância em saúde alerta para vacinação

0
415

Todas as unidades de saúde do município aplicam a vacina gratuitamente

A Vigilância Epidemiológica de São Marcos alerta toda a população para que busque um posto de saúde e realize a vacina contra a Febre Amarela. Toda comunidade deve se vacinar, mas o principal alerta é para as comunidades rurais, devido à maior exposição dessas pessoas.

Os municípios do Rio Grande do Sul estão em alerta desde o início deste ano devido à morte de bugios por Febre Amarela que foi identificada em Pinhal da Serra em janeiro, após 12 anos sem registros do tipo no Estado. A partir disso, a Secretaria Estadual de Saúde recomendou a 26 municípios que imunizassem a maior quantidade possível de pessoas, São Marcos não está nesta lista, entretanto, a recomendação é de que toda a população verifique se está vacinada, pois, conforme a Vigilância Epidemiológica, estamos em estado de alerta.

O vírus da doença é transmitido apenas por mosquitos. Dessa forma, os macacos também são vítimas, servindo de alerta para os humanos sobre a possibilidade de infecção, mas são incapazes de transmitir para pessoas.

Embora a vacina esteja disponível em todos os postos e também, em 2019, tenha sido realizado um censo de vacinação no interior, ainda há pessoas que não têm a vacina contra a Febre Amarela e, consequentemente, não estão protegidas contra a doença. No censo da Febre Amarela no Interior realizado em 2019, 800 pessoas participaram, dessas, 19% não estavam vacinadas, sendo assim, 63 foram vacinados e 92 não receberam a vacina por recusa, contraindicações e entre outras motivações.

Para verificar se a pessoa está ou não vacinada contra a Febre Amarela é necessário consultar o Cartão Vacinal e, se mesmo assim surgirem dúvidas, recomenda-se que envie uma foto do cartão para o e-mail vigilancia.saomarcos@yahoo.com.br. A equipe entrará em contato caso a pessoa precise realizar a vacina.

Todas as unidades aplicam a vacina gratuitamente e em dias específicos:

  • Terças-feiras

ESF São José – 8h às 11h; 13h30 às 19h

  • Quartas-feiras

ESF Eneo Doncatto – 7h30 às 11h; 13h30 às 15:30h; 17h30 às 19h

  • Quintas-feiras

Centro Municipal de Saúde Nossa Senhora de Lourdes – 8h às 11h; 13h30 às 19h.

Unidade de Saúde Pedras Brancas – 7h45 às 11h30; 12h45 às 16h20.
ESF Nicoletti – 8h às 11h; 14h às 15h30; 17h30 às 19h

Sobre a vacina da febre amarela

– Indicado para todas as pessoas de 9 meses a 59 anos 11 meses e 29 dias.

– Considerar vacinada a pessoa que comprovar uma dose de vacina. Não é necessário fazer reforço dessa vacina.

– NÃO DEVEM SE VACINAR:

– Pessoas alérgicas a ovo;

– Mulheres em qualquer fase da gestação;

– Mulheres amamentando bebês com idade abaixo de 9 meses;

– Pacientes em tratamento com radioterapia/quimioterapia;

– Pacientes com doenças autoimunes, portadores de doenças hepáticas, renais, hematológicas, neoplásicas.

Observação: A vacinação de pessoas com mais de 60 anos de idade, gestantes e mulheres que estejam amamentando crianças menores de 06 meses deve ocorrer em situações especiais – como emergência epidemiológica, vigência de surtos, epidemias ou viagem para área de risco, mediante a avaliação de risco/benefício, feita por um médico.

– Em mulheres que estejam amamentando, pode-se considerar a suspensão do aleitamento materno por 10 dias.

– Vacinação de viajantes para países com exigência de vacinação: vacinar, de acordo com as normas do Programa Nacional de Imunizações, pelo menos 10 dias antes da viagem.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here