Faltas em consultas chegam a 30% do volume no sistema público de saúde em São Marcos

0
800
Centro Municipal de Saúde Nossa Senhora de Lourdes. Foto: prefeitura/divulgação

Fato prejudica pacientes que dependem do atendimento, alerta a secretária Maristela Lunedo

Toda vez que um paciente marca uma consulta para ser atendido pelos profissionais da Secretaria de Saúde e falta, prejudica aqueles que realmente necessitam da consulta e também desperdiça dinheiro público. Fato prejudica também o desempenho nos atendimentos realizados pela secretaria.

No primeiro semestre de 2019, a média mensal de faltas em consultas com especialistas e em exames especializados ficou entre 20% e 30%, conforme dados da Secretaria Municipal de Saúde. Parte dos exames especializados é realizado fora de São Marcos, portanto, aqueles que faltam, impossibilitam também que outro paciente realize a viagem naquele dia.

“As pessoas precisam se conscientizar de que, quando marcam um procedimento precisam ir ou avisar com, pelo menos, 24 horas de antecedência, que é o tempo que a gente –Secretaria de Saúde- tem para colocar outra pessoa no lugar”, comenta a Secretária da Saúde, Maristela Lunedo.

Fonte: Secretaria Municipal de Saúde

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here