1ª Fenasuco será em 2021

1
1074

Evento foi patenteado em 2011 e agora passa a compor calendário oficial do município. São Marcos é o maior produtor de suco de uva integral do Brasil. Acompanhe entrevistas

São Marcos inicia o ano com mais um passo em direção a realização da Fenasuco, esperado evento que poderá elevar a identidade do município no cenário do Enoturismo nacional, a exemplo de outras cidades da Serra Gaúcha. Em dezembro passado vereadores aprovaram projeto de lei do Executivo, que insere a Fenasuco no calendário municipal de eventos.

Conforme a redação do projeto, a Fenasuco será realizada no mês de agosto e é uma oportunidade de divulgar o fato de o município ter uma indústria de suco de uva forte e em crescimento. Já que, São Marcos é a nona cidade do estado no processamento de uvas para sucos, vinhos, espumantes e derivados. A produção de uvas processadas perfaz, atualmente, 28 milhões de quilos por ano, conforme dados do Cadastro Vinícola da Secretaria da Agricultura do Estado.

A Fenasuco é um sonho antigo dos são-marquenses e agora parece mais palpável. Com a inserção no calendário o município já pode tratar da parte prática para a realização do evento que está patenteado desde 2011, conforme explica Patrícia Camassola Tomé, atual vereadora e então secretária de Turismo da época, no governo de Evandro Ballardin.

De 2011 para 2021

“Em meados de 2011 foi patenteado o selo da Fenasuco, quando obtemos uma grande conquista para São Marcos, repercutindo na região. Desde a época temos o suco de uva em evidência, então garantimos que esse evento ficasse com a gente, registrando a marca”, destaca a vereadora, apontando municípios como Bento Gonçalves, Flores da Cunha e Caxias do Sul com seus respectivos calendários em torno do Enoturismo.

São Marcos é a nona cidade do estado no processamento de uvas para sucos, vinhos, espumantes e derivados. Parreiral na Linha Tiradentes. Foto: Angelo Batecini Junior – SMO / arquivo

“Acho muito importante que São Marcos concretize a Fenasuco, que se torne real impulsionando a indústria, a agricultura e o turismo no município”, aponta Patrícia.

O São Marcos Online também ouviu o ex-prefeito Evandro Bonella Ballarrdin, que demonstrou contentamento com a evolução do projeto.

“Quando assumimos, tivemos a preocupação de garantir a certificação, visto que São Marcos era um dos maiores produtores de suco. Com muita competência nossa secretária de Turismo, Patrícia Camassola, começou a trabalhar no intuito de conseguir o Selo da Fenasuco. A conquista foi um marco muito importante, para a realização do evento e agora fico muito feliz que o projeto será concretizado, com o prefeito Evandro Kuwer. Parabéns a todos, pois São Marcos merece este evento, para o bem de toda economia do município”, manifestou Ballardin.

Para Evandro Kuwer, prefeito de São Marcos as características saudáveis do produto podem servir de alavanca para a Fenasuco.

“Incluímos a Fenasuco no calendário de eventos do município, para acontecer em agosto, mas infelizmente não poderá ser realizada em 2020 por se tratar de ano eleitoral. Além de ser grande produtor de uva São Marcos produz o suco, que é uma bebida de alta qualidade e saudável, podendo ser consumida por qualquer pessoa. É uma maneira de a gente valorizar esse produto importante para nossa economia e com a Fenasuco mostrar São Marcos de forma regional e nacional assim como outros eventos que já se firmaram, como a Festa dos Motoristas”, espera o atual prefeito.

“Sem dúvidas estamos falando do produto mais importante hoje”

O São Marcos Online conversou com o diretor administrativo da Vinícola Poggere e Sucos Don Celesto, Rodrigo Poggere. Para ele, tudo o que for feito para alavancar o turismo no município é merecedor de apresso, mas aponta que muito ainda deve ser feito pelo setor em São Marcos.

“Esse passo administrativo de registro, legislação etc; é somente o primeiro passo, muito precisa ser feito em termos de organização, captação e disponibilização de recursos, estrutura, para depois se pensar em executar”, diz Poggere.

“Não dá pra pensar em simplesmente registrar o evento e achar que as indústrias ou empresas do ramo, que já são amplamente castigadas pelos tributos e gastos com processos burocráticos para funcionamento vão ter condições de disponibilizar capital, pessoal e produto para realização de um evento desse porte”, pondera.

Rodrigo finaliza dizendo que o produto tem um enorme potencial. “A economia da cidade é baseada na agricultura tendo a uva como carro chefe, grande parte é destinada para suco então, sem dúvidas estamos falando do produto mais importante hoje”, reforça Rodrigo.

Cabe destacar que São Marcos é o maior produtor de suco de uva integral do Brasil, e a marca Don Celesto é referência inclusive exportando boa parte da produção com marca própria.

Turismo seria impactado?

Para o presidente do Conselho Municipal do Turismo, o evento vem agregar ao setor, mesmo que a longo prazo.

“Agregaria muito sim para o turismo em São Marcos e pode ter certeza que o COMTUR irá trabalhar em cima do evento para que ele seja um evento que comece e dure por longo tempo, claro que tem que conversar e se organizar para gerar atrativos e também divulgar o evento pela região, garantindo público e por consequência a sequência da Fenasuco”, disse Natanael Prace.

1 COMMENT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here