É mata leão que se diz né?

0
12391
São-marquense imobilizou homem até a chegada a polícia. Foto e vídeo: arquivo pessoal

Lutadora de São Marcos imobiliza ladrão no meio da rua em Caxias. Homem teria furtado em supermercado e fugido de 4 seguranças, até ser parado por Patrícia.

A tarde desta terça-feira, dia 5 de fevereiro, foi ruim para um homem que tentou furtar em um supermercado do centro de Caxias do Sul. Ele acabou sendo imobilizado por uma lutadora de Jiu-jitsu após fugir de seguranças. O fato aconteceu na Rua Marquês do Herval, no centro de Caxias por volta das 14h.

Patrícia Mello é de São Marcos, onde ainda mora sua família, mas reside em Caxias do Sul há algum tempo, onde pratica Jiu-jitsu e também trabalha em empresa de segurança privada.

“Eu saia de casa e quando abri a porta do prédio ele vinha correndo em minha direção, tinha uns 4 homens atrás dele, mas de mim não passou”, informou a lutadora de 26 anos ao São Marcos Online.

“Acho que fiz certo, pois evitei que ele fosse agredido também, além de segurar ele até que a polícia chegasse”, relatou.

Ela conta que já foi campeã gaúcha e vice-campeã do sul brasileiro e que pratica Jiu-jitsu há pelo menos dois anos. “Luto por patrocínio e se tudo correr bem vou pra Califórnia disputar o mundial deste ano”, conta orgulhosa. Ela disputa na categoria adulto até 65kg.

Como profissional da área e conhecedora de técnicas de defesa pessoal, Patrícia diz que a modalidade é considerada leve e qualquer pessoa pode praticar.

“Hoje estamos muito expostos a roubos e assaltos. O Jiu-jitsu é um arte marcial leve e possibilita que toda pessoa possa praticar, independente de idade ou condição física. É importante saber se defender, até mesmo pra poder ajudar os outros”, destacou a atleta.

Deixe uma resposta

Por favor, digite seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui