Calçamentos: falta de manutenção gera reclamações dos são-marquenses

0
1308
Fotos: enviadas pelos leitores ao São Marcos Online

“É uma rua de bastante movimento e faz mais de 30 dias que está assim” diz morador da Canelones, no Henrique Pante. No Progresso, obra da Bontempo comprometeu parte da principal rua do bairro. Confira entrevistas com representante da empresa, secretário de planejamento e moradores.

Nos últimos dias a redação do São Marcos Online recebeu inúmeras queixas de leitores relatando falta de manutenção em alguns trecho de ruas da cidade. De um canto a outro de São Marcos, a principal reclamação é relacionada ao calçamento de paralelepípedos que, por um motivo ou outro acaba se desmanchando.

Exemplo é o da Rua Canelones, no bairro Henrique Pante, onde há um enorme buraco na pavimentação e, conforme moradores já faz mais de mês que está assim e cada dia aumenta mais.

“Eu gostaria que fizessem uma matéria mostrando pras nossas autoridades a realidade que estamos vivendo, é uma vergonha” relata Meis Subtil, morador da Canelones (fotos).

Já do outro lado da cidade, no bairro Progresso, a situação é ainda pior e há pelo menos três meses moradores convivem com buracos e trechos sem pavimentação, além dos vários prejuízos relatados à reportagem.

“Fui desviar de um buraco e caí em outro”

“Se foi a caixa de roda, entortou uma roda e lascou o para-choques, foi um prejuízo de mais de R$ 500” reclama Dionatan Bopsin, morador do Progresso, que usa o veículo para trabalhar e trafega pela Rua Joaquim Domingos Vanelli diariamente (fotos).

A principal rua do bairro, que é localizado próximo de área industrial, é de grande tráfego e está deteriorada após fluxo intenso de caminhões com cargas de terra, pertencentes a empresa de terraplanagem que executa obra de ampliação da Bontempo Móveis, perto dali.

“Assim que possível todo trecho será consertado”

“A Bontempo está ciente desde o início e acompanha a situação, destacamos que já efetuamos alguns consertos em parceria sempre com a prefeitura, mas não tem como arrumar tudo, pois a obra ainda está em andamento e vamos precisar transportar mais material” informou Nestor Bombana, gerente de logística da empresa Bontempo.

Nestor diz que a maior parte da carga pesada já foi retirada e que a obra deverá sem concluída em 60 dias. Conforme ele, teve início em meados de outubro.

Como a terra é levada para a parte alta do bairro, o peso e fluxo intenso acabaram com grande parte do calçamento.

“A população está certa em cobrar, mas pedimos paciência, pois a empresa precisa expandir, faz parte do desenvolvimento da cidade e assim que cessar a retirada de terra, todo dano será consertado definitivamente” ressaltou Bombana à reportagem do São Marcos Online na manhã desta terça (5).

“Já licitamos e agora estamos na fase de contratos”

Conforme relatou o secretário municipal de planejamento, Andrigo Biasotto, a prefeitura já licitou empresa para realizar os reparos, restando agora fechar os contratos para aquisição de material.

“O principal entrave era a questão da contratação das horas de mão de obra, via licitação, e já foi resolvido, agora é realizar a compra de material e iniciar os reparos, já temos um levantamento e traçamos algumas prioridades, vamos terminar os trechos das Ruas XV de Novembro e José de Alencar, no centro, e depois seguir pelos bairros” informou Andrigo.

Estas ruas tiveram a pavimentação removida em função das obras de canalização e asfaltamento da Avenida Venâncio Aires.

Andrigo pede a compreensão e a ajuda da população.

“Precisamos que a população nos informe diretamente, aqui na prefeitura ou na secretaria de obras ou serviços públicos, sobre pontos com problemas, assim vamos poder protocolar o pedido e resolver o mais breve possível” diz o secretário.

Deixe uma resposta

Por favor, digite seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui